Retratos da imprudência


Acidente em 29 de dezembro: morador do Alpes desceu a Serra em alta velocidade e só parou em poste da Senador José Ermírio de Moraes, Vila Albertina. Teria perdido o freio. Foto: redes sociais.

Após pipocarem lojas, bares e restaurantes no alto da Serra da Cantareira, junto ao Parque Estadual, aumentou intensamente o número de turistas de um dia nos finais de semana. Muitos, imprudentes, colocam em risco a própria vida, a dos outros, a dos animais silvestres, ou não e, sobretudo, a dos moradores desta região onde quem aqui habita veio em busca de segurança e paz.  Outra consequência desse comércio predador:   durante a semana também intensificou-se perigosamente o tráfego de veículos pesados – o que é proibido nessa estrada  que liga São Paulo à  Serra. Aos sábados, então, a coisa piora pela soma do tráfego de moradores, de turistas e caminhões: combinação explosiva. Lei desrespeitada e fiscalização instável no Portal. O resultado é este: trânsito intenso e risco permanente de acidentes nessa via estreita, sem acostamento, com relevo acentuado e curvas perigosas. Aviso aos infratores, apressadinhos e imprudentes: foram instaladas câmeras ao longo da estrada.
Fabio Mascritti


7 de dezembro: apesar da proibição, mais um que insiste em subir a Serra. Foto: Reginaldo Aldrighi

Este motorista criminoso, do vídeo abaixo, foi registrado em 5 de dezembro, domingo. Vídeo: redes sociais

Deixe uma resposta